Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.21/7202
Título: Segurança do doente: sistemas de notificação
Autor: Eiras, Margarida
Palavras-chave: Segurança do doente
Erro médico
Notificação
Data: Mar-2017
Citação: Eiras M. Segurança do doente: sistemas de notificação. In: Leiria, 9 de março de 2017.
Resumo: Porquê a segurança do doente? Estima-se que entre 8-12% dos doentes admitidos nos hospitais europeus sofram eventos adversos enquanto recebem cuidados de saúde. São exemplo as infeções hospitalares, erros relacionados com o medicamento, e com as cirurgias, falhas no uso dos dispositivos médicos e no diagnóstico. Em média 1 em cada 20 doentes hospitalizados sofre de uma infeção associada aos cuidados de saúde, ou seja, 4,1 milhões de doentes por ano na UE e 37.000 doentes morrem na sequencia destas infeções. A maior parte do dano causado ao doente pode ser prevenido mas a implementação de medidas para a sua redução e controlo varia muito no grupo de países membros.
Peer review: no
URI: http://hdl.handle.net/10400.21/7202
Aparece nas colecções:ESTeSL - Comunicações

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
Segurança do doente_sistemas de notificação.pdf1,89 MBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.