Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.21/5379
Título: O sistema de controlo interno nas instituições financeiras
Autor: Loureiro, Maria João Esteves Fernandes
Orientador: Pires, Ana Marinho
Palavras-chave: Controlo interno
Gestão de riscos
Governance
Instituições
Internal control
Risk management
Institutions
Data de Defesa: Abr-2015
Resumo: Nos últimos anos, o conceito de controlo interno tem vindo a sofrer transformações, em resultado da necessidade de dar respostas à gestão de riscos nas organizações. Os modelos de avaliação de riscos, para além de constituírem uma ferramenta de apoio aos gestores na tomada de decisão, são também utilizados pelos auditores na avaliação do sistema de controlo interno a que estes têm que proceder. Após a revisão da literatura, foi desenvolvido um estudo empírico, que tem origem num raciocínio dedutivo, com vista a concluir sobre se o uso dos modelos de gestão de riscos, enquanto ferramenta de gestão para obter um sistema de controlo interno efetivo, tem impacto no resultado das auditorias. Para o efeito, foi analisado o caso particular das instituições financeiras, na medida em que estas, ao abrigo do Aviso n.º 5/2008, se encontram obrigadas à adoção de um sistema de controlo interno suportado no Internal Control Integrated Framework, publicado pelo Committee of Sponsoring Organizations of the Treadway Comission. Do exercício realizado, concluímos que, de facto, os resultados dos relatórios de auditoria para os anos considerados, foram bastantes positivos, contudo, os acontecimentos recentes no sistema bancário português fazem-nos questionar a qualidade dos trabalhos realizados pelo auditor.
The internal control concept is changing due to the need of answering to risk management requests in the organisations. The use of risk management models, are recognized all over the World as a tool that support Management in decision-making, as well as the auditors, in the evaluation of the internal control system. After the literature revision, an empirical study has been developed, based on a deductive reasoning, in order to conclude if the risk management models, as a tool to achieve an effective internal control, improve the audit results. For this purpose, the exercise was performed for bank and financial institutions, due to the fact that, under the terms of the Bank of Portugal Notice 5/2008, those institutions are required to adopt the Internal Control Integrated Framework, published by the Committee of Sponsoring Organizations of the Treadway Comission. From this, we can conclude that, despite the positive audit reports results in the years considered, the last events occurred in Portuguese banking system, leave us in doubt about the quality of audits.
Descrição: Mestrado em Auditoria
Peer review: yes
URI: http://hdl.handle.net/10400.21/5379
Aparece nas colecções:ISCAL - Dissertações de Mestrado

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
20120195_ O Sistema de Controlo Interno nas Instituições Fin.pdf1,21 MBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.