Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.21/3856
Título: Prática de ensino supervisionado no 1.º e 2.º ciclo do ensino básico: calculo mental: um estudo sobre as estratégias utilizadas por alunos do 1.º e do 2.º ciclo do ensino básico
Autor: Teixeira, Raquel de Almeida
Orientador: Rodrigues, Margarida
Palavras-chave: Matemática
Sentido de número
Sócio construtivismo
Cálculo mental
Estratégias de cálculo mental
Math
Number sense
Social constructivism
Mental calculation
Mental calculation strategies
Data de Defesa: Jul-2014
Resumo: O presente relatório foi elaborado como parte integrante da Unidade Curricular Prática de Ensino Supervisionada, do curso de Mestrado em Ensino do 1.º e 2.ºCiclo do Ensino Básico, ministrado pela Escola Superior de Educação de Lisboa, refletindo sobre o percurso formativo e sobre a ação pedagógica desenvolvida neste período que possibilitou a experimentação de um quotidiano profissional. Neste relatório, apresentam-se experiências resultantes do processo de ensino-aprendizagem, realizadas ao longo da Prática de Ensino Supervisionada, refletindo-se sobre as dificuldades e desafios que surgem diariamente nesta profissão, bem como sobre as estratégias utilizadas para as ultrapassar. Esta experiência resultou numa perspetiva sobre as responsabilidades que estão inerentes à docência, ressalvando-se a importância de uma preparação e mobilização teórica, considerada fundamental na tomada de decisões pedagógicas. Ademais do que foi referido, apresenta-se também uma investigação que incide sobre as estratégias de cálculo mental utilizadas pelos alunos e o modo como estas evoluem, incidindo, neste sentido, na importância da implementação de uma rotina de cálculo mental, acompanhada por um momento de partilha de estratégias. Para a concretização deste estudo, foram analisadas as tiras de cálculo mental de duas alunas ao longo de toda a intervenção e, recorrendo às notas de campo efetuadas durante a partilha de estratégias, foram ainda analisadas, as estratégias utilizadas pela turma no início, meio e fim da implementação. Por último, foi aplicada uma entrevista a essas duas alunas e ainda a duas alunas do 2.ºciclo, a qual permitiu a identificação das estratégias utilizadas, na mesma tira, por cada uma das estudantes. Os resultados demonstram que a partilha e a discussão coletiva das estratégias contribuem para que os alunos se apropriem de novas estratégias, evoluindo assim de estratégias mais elementares para estratégias mais complexas. Estas são fundamentais, para o desenvolvimento da destreza de cálculo mental.
ABSTRACT The presente report was written as part of the course Supervised Teaching Practice Course Master of Teaching 1.º and 2.º Primary School, taught by the School of Education of Lisbon, reflecting all the training path and the pedagogical action developed during this period that enabled the testing of a professional everyday. In this report, I present experiences from the teaching –learning process, carried along the Supervised Teaching Practice, reflecting on the difficulties and challenges that arise daily in this profession, as well as the strategies used to overcome them. This experience resulted in a perspective on the responsibilities that are inherent in teaching, safeguarding the importance of a theoretical preparation and mobilization, considered fundamental in making pedagogical decisions. In addition to the above, also presents an investigation that focuses on the mental calculation strategies used by the students and how they evolve, focusing, in this sense, the importance of implementing a routine of mental calculation, followed by a moment of sharing strategies. To achieve this study, strips of mental calculation of two students were analyzed throughout the intervention and, using the field notes, were also analyzed the strategies used by the class at the beginning, middle and end of implementation. Finally, an interview was applied to these two students and two students of the 2.º cycle, which allowed the identification of the strategies used in the same strip, by each of the students. The results demonstrate that sharing strategies contribute to students ownership of new strategies, thus evolving from the most basic strategies to more complex ones. These ones are fundamental to the development of mental calculation skill.
Descrição: Relatório de Estágio apresentado à Escola Superior de Educação de Lisboa para obtenção de grau de mestre em Ensino do 1.º e do 2.º Ciclo do Ensino Básico
Peer review: yes
URI: http://hdl.handle.net/10400.21/3856
Aparece nas colecções:ESELx - Dissertações de Mestrado



FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.