Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.21/3572
Título: Preditores da qualidade de vida na epilepsia
Outros títulos: Predictors of quality of life in epilepsy
Autor: Linhares, Vânia
Meneses, Rute
Pais-Ribeiro, José Luís
Silva, Isabel
Pedro, Luísa
Vilhena, Estela
Mendonça, Denisa
Cardoso, Helena
Martins, Ana
Martins-da-Silva, António
Palavras-chave: Epilepsia
Qualidade de vida
Adesão à terapêutica
Coping
Espiritualidade
Epilepsy
Quality of life
Adherence to therapy
Spirituality
Data: Mar-2014
Editora: Sociedade Portuguesa de Psicologia da Saúde
Citação: Linhares V, Meneses RF, Pais-Ribeiro JL, Silva I, Pedro L, Vilhena E, et al. Preditores da qualidade de vida na epilepsia. Psicol Saúde Doenças. 2014;15(1):61-77. [Epub 2014 Mar 29].
Resumo: A epilepsia é uma das patologias neurológicas mais comuns em todo o mundo, com repercussões importantes na Qualidade de Vida (QDV) dos indivíduos. Deste modo, o objetivo do tratamento ultrapassa a remissão total das crises epiléticas, dado que também prioriza a QDV do indivíduo com epilepsia. A QDV tem vindo a ser associada a alguns fatores modificáveis, importantes para a sua promoção. Assim, pretende-se com o presente estudo identificar se a Adesão à Terapêutica, as Estratégias de Coping e a Espiritualidade são preditores da QDV de indivíduos com epilepsia. O SF-36 v1.0, a Medida de Adesão aos Tratamentos, o COPE-R e a Escala de Avaliação de Espiritualidade em Contextos de Saúde foram administrados a 94 indivíduos com diagnóstico de epilepsia entre quatro e 49 anos. A relação entre as variáveis foi analisada através do modelo de regressão linear múltipla. Os resultados revelam que a Adesão à Terapêutica, a Esperança/Otimismo predizem positivamente a QDV. Já as estratégias de Coping Desinvestimento Comportamental, Expressão de Sentimentos e Religião predizem-na negativamente. Estes resultados são importantes para os profissionais de saúde, na medida em que a identificação de preditores modificáveis da QDV sugere pistas para intervenções que promovam a QDV de indivíduos com epilepsia.
ABSTRACT - Epilepsy is one of the most common neurological pathologies in the world, with important repercussions in the individuals’ Quality of Life (QOL). In this way, the goal of treatment surpasses the total remission of seizures, since it also prioritizes the improving the QOL of individuals with epilepsy. The QOL has been associated with some important modifying factors, for its promotion. In this way, with the present study we pretend to identify whether Adherence to Therapy, Coping Strategies and Spirituality are predictors of QOL of individuals with epilepsy. The SF-36 v1.0, the Measure Treatment Adherence, The COPE-R and The Spirituality Assessment Scale in Health Contexts were administered to 94 individuals with epilepsy diagnosis between four and forty-nine years. The relation between the variables was analysed through multiple linear regression model. The results reveal that the Adherence to Therapy and Hope/Optimism predict positively QOL. Whereas Coping Strategies: Behavioral Disengagement, Venting and Religion predict it negatively. These results are important for the health professionals seeing that the identification of modifying predictors of the QOL suggest hints for interventions, which promote the QOL of individuals with epilepsy.
Peer review: yes
URI: http://hdl.handle.net/10400.21/3572
Versão do Editor: http://www.sp-ps.com/tabid/309/Default.aspx
Aparece nas colecções:ESTeSL - Artigos

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
Preditores da qualidade de vida na epilepsia.pdf363,14 kBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.