Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.21/3546
Título: Sistemas de informação ao público nos transportes públicos de passageiros: análise crítica
Autor: Ribeiro, Diana Margarida Custódio
Orientador: Martins, Paulo José de Matos
Palavras-chave: Sistema de informação ao público
Public information system
Transportes públicos
Public transports
Oferta/procura
Supply/demand
Informação
Data
Avaliação de qualidade
Quality evaluation
Normalização da informação
Standard information
Data de Defesa: Dez-2013
Editora: Instituto Superior de Engenharia de Lisboa
Citação: RIBEIRO, Diana Margarida Custódio - Sistemas de informação ao público nos transportes públicos de passageiros: análise crítica. Lisboa: Instituto Superior de Engenharia de Lisboa, 2013. Dissertação de mestrado.
Resumo: Um sistema de informação ao público (SIP) nos sistemas de transportes públicos (TP) é uma peça fundamental para a mobilidade das cidades e áreas urbanas do século XXI, sendo também indispensável para a estruturação da informação relevante para o desenvolvimento e monitorização do próprio setor dos transportes. É um sistema cujo objetivo é fornecer aos utilizadores respostas no que diz respeito à obtenção de informação, proporcionando uma maior flexibilidade de consulta e uma constante atualização das suas múltiplas funcionalidades, sendo uma ferramenta, a par com a bilhética integrada, na supressão das barreiras de acessibilidade na utilização de transportes públicos e da promoção da intermodalidade. Toda a informação disponibilizada acerca dos SIPs constitui um instrumento fundamental para a facilitação da mobilidade do utilizador, quer seja antes da viagem (no due planeamento), durante ou após (dependendo do destino e do conhecimento do passageiro sobre o mesmo). Na perspetiva de grupos específicos (passageiros de mobilidade reduzida ou de alguma forma afetada, turistas, homens de negócios), o recurso aos SIPs depende essencialmente da confiança que estes têm na qualidade da informação disponibilizada. Assim, torna-se crucial para o sucesso dos SIPs, que as entidades responsáveis começam o mercado disponível e o seu público-alvo, para que possam adaptar a sua oferta às necessidades do mesmo. Em Portugal já existem algumas iniciativas a nível local e nacional, mas ainda existe um longo caminho pela frente, no que diz respeito à colmatação das necessidades dos passageiros ao nível do acesso à informação sobre o sistema de transportes e em particular do transporte público. Ao nível europeu existem diversos portais disponíveis, alguns com grande qualidade, derivados de extensos estudos sobre as necessidades dos utilizadores, qualidade de informação disponível (e a sua influência nas escolhas dos utilizadores), sobre a conceção do SIP e da normalização inerente. Existe ainda um longo caminho a percorrer no que diz respeito à construção de um SIP de “nova geração”, capaz de responder às principais necessidades dos utilizadores e dos potenciais utilizadores, atraindo-os para o transporte público, transmitindo-lhes segurança e conforto no planeamento das suas viagens. Daí que, no lugar de criar um novo SIP, uma nova solução, o primeiro passo a tomar será no âmbito da avaliação dos já existentes. Ao longo do presente trabalho efetuou-se um estudo o mais completo possível sobre os SIPs existentes em vários países e projetos europeus e desenvolveu-se uma proposta metodológica para a criação de procedimentos de auditoria para a avaliação das lacunas e/ou pontos fortes que os atuais SIPs apresentam, capaz de aferir a presença dos requisitos exigidos pelos passageiros do TP e os componentes fundamentais a um planeador de viagens. A metodologia de avaliação desenvolvida deve ser encarada como uma primeira proposta, original, que deve ser melhorada e validada em estudos futuros.
Abstract: A public information system becomes a fundamental parto f the public transport systems, contributing to the mobility of cities and urban áreas of the XXI century and i salso indispensable for structuring the relevant information for the development and monitoring of the transport sector itself. I tis a system whose goa lis to provide answers to the users for obtaining information, providing greater flexibility for consultation and constant updating of its multiple features, making it na essential tool, along with integrated ticketing, in the removal of accessibility barriers of public transport and in the promotion of intermodality. All the information provided about public information systems is vital to facilitating user mobility, either on the pre-trip (planning), on-trip or post-trip (depending on the destination and the knowledge that the passenger has about it). From the perspective of specific groups (passengers with reduced mobility or in some way affected, tourists, businessmen), the use of public information systems essentially depends on the confidence they have in the quality of the available information. Thus it becomes crucial for the success of the public information systems, that the responsible authorities know the available market and their target audience so they can adapt their offer to the needs of the users. In Portugal there are already some initiatives at a local and national level, but there is still a long way to go, with regard to the filling of the needs of passengers in terms of access to information on the transport system and in particular the public transport. At European level there are several websites available, some with great quality, derived from extensive studies on user needs, information quality (and its influence on the choices of the users), design of the public information systems ando n the inherent standardization. The construction of a “new generation” public information system, able to meet the main needs of users and potential useres, attracting them to public transportation, providing them with security and Comfort in planning their travel, is far from being completed. Consequently, insted of creating a new system, a new solution, the first step towards evolution will be the evaluation of the existing ones. Throughout this dissertation was made a study as complete as possible on existing systems and projects in several european countries and a methodology was developed to create audit procedures for the assessment of gaps and/or strengths that current systems have, able to assess the presence of the requirements demanded by the public transport passengers and fundamental componentes to a journey planner. The evaluation methodology developed should be seen as a first proposal, original, which should be improved and validated in future studies.
Descrição: Dissertação para obtenção do grau de Mestre em Engenharia na Área de especialização em Vias de Comunicação e Transportes
Peer review: yes
URI: http://hdl.handle.net/10400.21/3546
Aparece nas colecções:ISEL - Eng. Civil - Dissertações de Mestrado

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
Dissertação.pdf4,08 MBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.