Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.21/3481
Título: Análise da divulgação ambiental das empresas cotadas no PSI20 e no IBEX35 nos anos de 2010 e 2011
Autor: Canilho, Marta Sofia Marcelo
Orientador: Pinheiro, Pedro Miguel
Palavras-chave: Desempenho ambiental
Divulgação voluntária
Global Reporting Initiative
Relatórios de sustentabilidade
Environmental performance
Voluntary disclosure
Sustainability reporting
Data de Defesa: Nov-2012
Resumo: As profundas alterações económicas e políticas que se têm vindo a sentir nos mercados globais e na sociedade em si, nos últimos anos, juntamente com os desafios urgentes das mudanças climáticas, têm impondo uma maior atenção por parte das empresas à gestão estratégica e operacional, bem como à comunicação de informações fiáveis, com visão para o desenvolvimento sustentável. Daí, surge a necessidade de elaborar relatórios de sustentabilidade, servindo estes para informar os diversos stakeholders do desempenho de uma empresa. O conjunto de princípios, protocolos e indicadores desenvolvidos pela Global Reporting Initiative (GRI) torna possível gerir, comparar e comunicar o desempenho das organizações nas dimensões social, ambiental e económica. O objetivo da investigação consiste na análise do grau de divulgação voluntária do desempenho ambiental das empresas cotadas no PSI20 e no IBEX35, nos anos de 2010 e 2011, tendo por base os indicadores de desempenho ambiental da GRI. A pesquisa iniciou-se com um estudo exploratório da literatura existente, com a finalidade de se obterem informações relevantes sobre o objeto do estudo, e, posteriormente, dos relatórios e contas e relatórios de sustentabilidade, quando disponíveis, foi recolhida toda a informação necessária para corporizar os objetivos do estudo. Os resultados obtidos sugerem que em relação ao PSI20 existe um maior nível de divulgação ambiental no ano de 2010 quando comparado com o ano 2011, tendo havido, portanto, uma evolução negativa no nível de divulgação. No entanto nas empresas integrantes do IBEX35 não houve diferenças significativas em 2011 face ao ano de 2010. Através da análise bivariada, com o intuito de dar resposta às hipóteses e sub-hipóteses de investigação apresentadas, conclui-se que apenas a sub-hipótese H2.2 foi validade, uma vez que de todas as variáveis analisadas, apenas a rendibilidade dos capitais próprios e o nível de divulgação ambiental, no ano de 2011, relativamente às empresas do IBEX35, apresenta uma correlação positiva, para um nível de significância de 5%. Nenhuma das outras sub-hipóteses colocadas foi passível de ser estatisticamente validada. Assim, salienta-se o facto de o nível de divulgação de informação ambiental ter crescido acentuadamente entre 2006 e 2010, esta tendência ter estagnado em referência ao ano de 2011.
The deep economic and political changes that have been felt in global markets and in society itself, in recent years, together with the urgent challenges of climate change, are imposing greater attention on the part of companies to strategic and operational management, as well for the provision of reliable information, with vision for sustainable development. Hence, the need arises to prepare sustainability reports, these serving to inform the various stakeholders of a company's performance. The set of principles, protocols and indicators developed by the Global Reporting Initiative (GRI) makes it possible to manage, communicate and compare the performance of organizations in the social, environmental and economic. The goal of the research is the analysis of the degree of voluntary disclosure of environmental performance of companies listed on the IBEX35 and PSI20 in the years 2010 and 2011, based on the environmental performance indicators of GRI. The research began with an exploratory study of the existing literature, in order to obtain relevant information about the object of study. Subsequently, the reports and accounts and sustainability reports, when available, was gathered all the information needed to embody the study objectives. The results suggest that in relation to PSI 20 there is a greater level of disclosure in 2010 than in 2011, and there was, therefore, a negative trend. However the companies belonging to the IBEX 35 no significant differences in 2011 compared to 2010. Through bivariate analysis, in order to meet the sub-hypotheses and research hypotheses presented, it is concluded that only the sub-hypothesis H2.2 is accepted, since all the variables investigated, only between the profitability of capital and disclosure level, in 2011, for the IBEX 35 companies, is a positive correlation, for a significance level of 5%. In none of the other sub-hypotheses found any statistically significant result. In conclusion it is important to mention that the level of environmental disclosure increased between 2006 and 2010 but in 2011 the results shows that the level of disclosure decreased slightly.
Descrição: Mestrado em Contabilidade
URI: http://hdl.handle.net/10400.21/3481
Aparece nas colecções:ISCAL - Dissertações de Mestrado

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
Dissertação de Mestrado Marta Canilho 2010201 Final.pdf1,12 MBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.