Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.21/3342
Título: Benefícios de uma intervenção específica em desenvolvimento da linguagem, em crianças diagnosticadas com “espectro do autismo”
Autor: Vilaça, Maria Gracinda Gonçalves Loução
Orientador: Rosa, João
Palavras-chave: Perturbação do espectro do autismo
Intervenção precoce
Definição verbal
Nomeação verbal
Autism spectrum disorder
Early intervention
Verbal naming
Verbal definition
Data de Defesa: Dez-2013
Citação: Vilaça, MGGL. Benefícios de uma intervenção específica em desenvolvimento da linguagem, em crianças diagnosticadas com “espectro do autismo”[Dissertation]. Escola Superior de Educação de Lisboa/Instituto Politécnico de Lisboa; 2013
Resumo: Trata-se de um estudo de intervenção que pretende avaliar o efeito de uma estimulação individualizada centrada no desenvolvimento de competências linguísticas de Nomeação e Definição Verbal (Sim Sim,1997), em crianças de 4/5 anos com Perturbação do Espectro do Autismo (PEA), cujo atendimento decorre em meio hospitalar com o suporte de uma equipa multidisciplinar. Fernell et al. (2013), dão relevância aos programas de intervenção em crianças com esta patologia, referindo-os como factor privilegiado na mudança de prognóstico quando a implementação é precoce e multidisciplinar. Neste estudo participaram 10 crianças com idades compreendidas entre os 4 e os 5 anos, com diagnostico de PEA, mas com linguagem. Todas eram seguidas clinicamente numa instituição hospitalar e estavam a frequentar jardins de infância. Cinco incluíram o grupo de intervenção integrando as restantes cinco o grupo de controle. O grupo de intervenção realizou 13 sessões de estimulação, conduzidas individualmente pelo experimentador e a sua evolução foi discutida regularmente com a equipa multidisciplinar do hospital. O grupo de controlo apenas acedeu às consultas de rotina, no hospital Os participantes foram avaliados com a “Escala de Desenvolvimento Mental de Griffiths 0-8 anos” (Griffiths, 2006) e com as provas de “Definição Verbal” e de “Nomeação Verbal” da Escala de Avaliação da Linguagem Oral (Sim-Sim, 1997). Globalmente, os resultados revelaram uma significativa superioridade das crianças do grupo experimental, quando comparadas com o grupo de controlo. Apesar de o grupo de controlo ter obtido médias superiores ao grupo experimental nas provas linguísticas, no pré-teste, verificou-se um efeito significativo da intervenção, no pós-teste, com o grupo experimental a obter resultados superiores, mesmo após controlar as diferenças em desenvolvimento global e desenvolvimento da linguagem (Griffiths, 2006). Comprovou-se ainda que o efeito da intervenção foi significativamente relevante tendo em conta que, nas provas iniciais as competências linguísticas do grupo de controle eram superiores às do grupo experimental. Em conclusão, é possível estimular o desenvolvimento de competências verbais de definição e nomeação em crianças com Perturbação do Espectro do Autismo.
ABSTRACT This study aims to evaluate the effect of an individualized language intervention on the development of naming and verbal definition skills (Sim Sim, 1997), by 4- and 5-year-old children, diagnosed with Autism Spectrum Disorder (ASD), attended by a multidisciplinary team in a central hospital. Fernell et al. ( 2013) stress the contribution of early and multidisciplinary intervention programs on the prognosis issued for children with this condition. Ten children showing general language ability and attending kindergartens participated in this study. They were allocated to two conditions, the intervention group (N=5) and the control group (N=5). The intervention group performed 13 stimulation sessions, individually conducted by the researcher. Language progress and the children’s development was regularly discussed within the hospital multidisciplinary team. The control group only accomplished routine visits to the hospital. The participants were assessed with the "Griffiths 0-8 Mental Development Scale" (Griffiths , 2006) and with the "Verbal Naming” and “Verbal Definition” tests (Sim Sim, 1997). The post-test results revealed a significant superiority of the children in the intervention group both in verbal naming and verbal definition even after controlling for differences in global development and in language development (Griffiths , 2006) where the control group showed significantly higher pre-test scores. In conclusion, it is possible to enhance the development of verbal naming and definition skills in children diagnosed with Autism Spectrum Disorder, provided that a structured individualized intervention is set in place, supported by a multidisciplinary team.
Descrição: Dissertação Apresentada à Escola Superior de Educação de Lisboa para obtenção de grau de mestre em Ciências da Educação - Especialidade em Intervenção Precoce
Peer review: yes
URI: http://hdl.handle.net/10400.21/3342
Aparece nas colecções:ESELx - Dissertações de Mestrado

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
Benefícios de uma intervenção específica em desenvolvimento da linguagem.pdf3,07 MBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.