Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.21/3320
Título: Potencialidades e utilização do espaço recreio: um estudo desenvolvido em escolas do 1.º ciclo do ensino básico
Autor: Cruz, Indira Martins de Lima e
Orientador: Almeida, António
Palavras-chave: Espaço recreio
Tipologia do espaço recreio
Potencialidades do espaço recreio aventura
Atividades formais no espaço recreio
Recreational space
Typologies of recreational space
Potential of adventurous recreational space
Formal activities in recreational space
Data de Defesa: Dez-2013
Citação: Cruz, IML. Potencialidades e utilização do espaço recreio: um estudo desenvolvido em escolas do 1.º ciclo do ensino básico [Dissertation]. Escola Superior de Educação de Lisboa/Instituto Politécnico de Lisboa; 2013.
Resumo: Esta investigação teve como objetivo averiguar as caraterísticas do espaço recreio de algumas escolas do 1.º Ciclo do Ensino Básico. Decorrente dos vários aspetos observados procurou verificar-se se os mesmos se poderiam inserir num dos quatro tipos definidos por Frost & Klein (1979), e que são os seguintes: Espaço Recreio Tradicional, Espaço Recreio Designer, Espaço Recreio Aventura e Espaço Recreio Criativo. Simultaneamente, alguns professores de cada uma das escolas visitadas e o respetivo coordenador foram inquiridos de modo a saber-se a periodicidade de utilização do espaço recreio em atividades formais de aprendizagem, o tipo de atividades desenvolvidas e ainda quais as áreas curriculares mais mobilizadas nessas mesmas atividades. O modelo de investigação é de caráter qualitativo / interpretativo, tendo-se recorrido aos seguintes instrumentos de recolha de dados: uma grelha de observação para registo da observação efetuada nas várias escolas e um questionário aplicado aos professores e coordenadores de cada escola para conhecimento dos aspetos já referidos. O estudo envolveu uma amostra de 15 escolas situadas na área de Lisboa, e uma amostra de 43 professores, todos a lecionar o 3.º e o 4º ano de escolaridade, e de 15 coordenadores, um por escola, a quem foi aplicado o referido questionário. Os dados recolhidos através da grelha de observação foram analisados recorrendo a métodos de estatística descritiva, o mesmo acontecendo na análise das respostas fechadas presentes no questionário. Nas questões abertas recorreu-se à análise de conteúdo das respostas, seguindo as fases características deste tipo de análise. Os resultados obtidos indicam que a maior parte das escolas oferece espaços recreio pouco estimulantes para o desenvolvimento integral das crianças, apenas tendo sido identificados dentro da tipologia referida alguns espaços recreio tradicionais. Os professores referem na sua maioria utilizar o espaço recreio, desenvolvendo um leque diversificado de atividades, mas com uma especial incidência nas relacionadas com a atividade física das crianças (educação física, jogos tradicionais e também cooperação de dias festivos e efemérides). Contudo, revelam um total desconhecimento acerca das potencialidades para as crianças dos espaços recreio menos estruturados e que se aproximem da dinâmica dos espaços naturais. Este estudo pretende assim despertar a consciência de coordenadores e professores para a necessidade de mudanças na organização do espaço recreio suscetíveis de o transformar num espaço mais rico potenciador de brincadeiras diversas e de atividades nas diferentes áreas do currículo.
ABSTRACT The purpose of this research was to investigate key characteristics of the recreational space of some schools of the first cycle of primary education, taking into account certain observed aspects whether these could be classified according to the four typologies defined by Frost and Klein (1979): traditional recreational space; designer recreational space; adventurous recreational space; and creative recreational space. Simultaneously, some teachers and the coordinators of the schools visited were interviewed in order to study in more depth the periodicity of use of the recreational space in formal learning activities, the type of activities developed and the curricular areas most used in these activities. The research was essentially qualitative and supported by the following data collection tools: a matrix was developed to record observations during the school visits, complemented by a questionnaire applied to school teachers and coordinators to obtain more detailed data on the aspects of the study. The sample size consisted of 15 schools in Lisbon within which the questionnaire was applied to 43 third and fourth grade teachers and 15 school coordinators. Descriptive statistical methods were used to analyse the data from the observational matrix, as well as from the questionnaires applied to school personnel. Response content analysis was used for the open questions in the questionnaire. The study results indicate that most of the schools surveyed offer few recreational spaces that stimulate children and that benefit their integrated development, with most of these spaces belonging to the traditional typology. Most school teachers rely on the use of recreational spaces in order to develop and implement activities related to the physical stimulation of children such as physical education, traditional games and involving children in the celebration of holidays). Nevertheless, most teachers demonstrated very little knowledge of the potential of less structured recreational spaces and that approximate the dynamics offered by natural recreational spaces. In conclusion, the study hopes to increase the levels of awareness of school teachers and coordinators regarding the need to implement changes in the organization of recreational spaces in order to transform them into spaces that foster and stimulate the role of play and recreation in teaching and learning.
Descrição: Dissertação apresentada para a obtenção do grau de Mestre em Educação - Área de Especialização em Didática das Ciências
URI: http://hdl.handle.net/10400.21/3320
Aparece nas colecções:ESELx - Dissertações de Mestrado

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
Potencialidades e utilização do espaço recreio.pdf3,68 MBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.