Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.21/3269
Título: A explicitação do raciocínio na resolução de problemas no 2º ciclo do ensino básico: contributos para o desenvolvimento das competências orais e escritas
Autor: Maneta, Carla
Orientador: Gonçalves, Carolina
Palavras-chave: Resolução de problemas
Explicitação do raciocínio
Comunicação verbal
Comunicação escrita
Problem solving
Explanation of the reasoning
Verbal communication
Written communication
Data de Defesa: Dez-2013
Citação: Maneta, C. A explicitação do raciocínio na resolução de problemas no 2º ciclo do ensino básico: contributos para o desenvolvimento das competências orais e escritas [Dissertation]. Escola Superior de Educação de Lisboa/Instituto Politécnico de Lisboa; 2013.
Resumo: O desenvolvimento das competências orais e escritas na resolução de problemas é essencial na aprendizagem matemática, pois constituem-se como peças fundamentais na explicitação do raciocínio. Quanto mais profundo for o desenvolvimento da oralidade e da escrita, mais facilmente os alunos assimilam o vocabulário característico da matemática, bem como o encadeamento dos enunciados problemáticos. O presente estudo tem a finalidade de compreender as formas comunicativas mais utilizadas pelos alunos durante a exposição dos seus raciocínios, na resolução de problemas, assim como aferir se ocorre uma variação dessas mesmas formas comunicativas durante as exposições, em diferentes contextos de resolução de problemas. O levantamento e a análise das formas comunicativas, em contexto diversificado de resolução de problemas, permitirá aferir se os alunos adquirem vocabulário diversificado, bem como os contributos desse vocabulário para o desenvolvimento das competências orais e escritas, na resolução de problemas. O estudo foi feito numa turma do 6.º ano, através da observação naturalista, da aplicação de grelhas de registo e da análise de excertos do discurso. Os resultados da observação mostram que, na turma observada, a categoria mais frequente na exploração das situações problemáticas é a Imposição. Por inerência a esta categoria os sinais da comunicação verbal mais utilizados pela professora e pelos alunos são: Pergunta, Resposta, Expõe/explica. No caso da comunicação escrita, os resultados revelam que os registos da professora para os alunos estão equilibrados com os registos dos alunos para a professora. A investigação sugere que a exploração de situações problemáticas efetuadas sempre com a mesma metodologia e suporte não favorece o desenvolvimento das competências orais e escritas dos alunos. Os resultados obtidos revelam falta de autonomia dos alunos nos registos escritos e uma sobreposição comunicativa dos alunos que dominam os conteúdos em comparação com os alunos com dificuldades.
Abstract The development of oral and written skills in problem solving in mathematics learning is essential, since they represent themselves as key players in the explanation of reasoning. The deeper the development of orality and writing, more easily students assimilate the mathematics characteristic vocabulary and the linking of the problematic statements as well. The present study aims to understand the communicative forms most frequently used by students during the exposure of their reasoning, their problem solving, and assess whether a variation of these same communicative forms during exhibitions in different contexts of problem solving occurs. The survey and analysis of communicative forms, diverse context in problem solving, will assess whether students acquire diverse vocabulary, and the contributions that vocabulary for the development of oral and written skills in problem solving as well. The study was done in a 6th year class, by naturalistic observation, application of grids for recording and by analysis of excerpts from the speech. The results from the students observation shows that, in the observed class, the most frequent category in the exploration of problematic situations is the Imposition. Inherently to this category, the signs of verbal communication most used by the teacher and the students are: Question, Answer, Exhibits/explains. In the case of written communication, the results reveal that the records of the teacher to the students are balanced with the records of the students to the teacher. Research suggests that the exploration of problematic situations always conducted with the same methodology and support does not hold up the development of oral and written skills of the students. The obtained results show a lack of autonomy from students in written records, and a communicative overlap from the students which master the contentes, when compared with students with difficulties.
Descrição: Dissertação apresentada à Escola Superior de Educação de Lisboa para a obtenção de grau de Mestre em Didática da Língua Portuguesa no 1.º e 2.º Ciclos do Ensino Básico
URI: http://hdl.handle.net/10400.21/3269
Aparece nas colecções:ESELx - Dissertações de Mestrado

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
A explicitação do raciocínio na resolução de problemas.pdf1,41 MBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.