Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.21/3255
Título: Produção de sentido de modo cinematográfico : por favor ler antes de tocar numa câmara
Autor: Barbosa, Paulo Alexandre Rosa Amorim
Orientador: Mendes, João Maria
Palavras-chave: Produção de sentido
Montagem
Montagem vertical
Banda sonora
Linguagem não-verbal
Sentido implícito
Articulação entre planos
Data de Defesa: 2011
Editora: Escola Superior de Teatro e Cinema
Resumo: Os limites inerentes à produção de sentido de modo cinematográfico nos discursos audiovisuais deriva dos conceitos não se deixarem filmar explicitamente Tese É possível produzir sentido conceptual através de modos não-verbais. Fundamentação Identificar e descrever como é que apesar das ideias não se deixarem filmar, existem formas de comunicação não-verbal que podem ser usadas no interior do discurso audiovisual e que permitem a produção de sentido conceptual complexo. Método 1º Identificar os limites da linguagem visual comparativamente à linguagem verbal 2º Apontar soluções no âmbito da linguagem corporal e o uso da roupa. A capacidade da narrativa ser portadora de significados implícitos para lá dos factos expostos recorrendo a Robert McKee e à noção de controlling idea e ao autor Robert Turner e a noção de parábola e projeção. Edição em continuidade e a representação do pensamento, e memórias dos personagens. Montagem e respetiva capacidade para criar metáforas, contrastes, negações e blending de conceitos. A montagem vertical e a capacidade do efeito Kuleshov também se aplicar á relação imagem / som. Relevância? Discursos audiovisuais que baseiam o respectivo significado na palavra não são necessariamente maus, mas são pobres no sentido que não usam as outras formas de produção de sentido próprias da linguagem cinematográfica.
Peer review: no
URI: http://hdl.handle.net/10400.21/3255
Aparece nas colecções:ESTC - Dissertações de Mestrado

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
PRODUÇÃO DE SENTIDO DE MODO CINEMATOGRÁFICO tese Mestrado Paulo Barbosa.pdf7,93 MBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.