Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.21/3131
Título: Avaliação de desempenho docente: efeitos no desenvolvimento profissional.
Autor: Coelho, Maria João Correia
Orientador: Leite, Teresa
Palavras-chave: Avaliação de desempenho docente
Supervisão
Desenvolvimento profissional docente
Prática pedagógica
Teachers evaluation performance
Supervision
Teachers professional development
Pedagogical practice
Data de Defesa: Dez-2013
Citação: Coelho, MJC.Avaliação de desempenho docente: efeitos no desenvolvimento profissional[Dissertation]. Escola Superior de Educação de Lisboa/Instituto Politécnico de Lisboa; 2013.
Resumo: As alterações realizadas nos últimos anos no processo de avaliação de docentes estão na origem deste estudo, que tem como objetivos: i) conhecer a conceção dos professores (avaliados e avaliadores) sobre o modelo de avaliação de desempenho; ii) conhecer os efeitos atribuídos pelos professores (avaliadores e avaliados) à avaliação de desempenho no que respeita ao desenvolvimento profissional e ao desenvolvimento organizacional; iii) conhecer a relação estabelecida pelos professores entre supervisão e a avaliação de desempenho docente. O estudo insere-se no paradigma interpretativo, recorrendo a uma metodologia predominantemente qualitativa e tem caraterísticas descritivas e exploratórias. Os dados foram recolhidos num, agrupamento de escolas, no concelho de Sintra considerado território educativo de intervenção prioritária (TEIP). Os participantes foram professores do 1º ciclo, selecionados de modo a formar três subgrupos: quatro professores avaliadores, sendo um deles o coordenador do 1º ciclo, quatro professores avaliados do quadro de escola e quatro professores avaliados contratados. Assim, foram realizadas doze entrevistas semiestruturadas, a partir de guiões com os mesmos temas e questões semelhantes, elaboradas a partir dos mesmos objetivos. Dos resultados obtidos, podemos salientar que os professores entrevistados consideram que as duas vertentes do modelo de avaliação de desempenho, formativa e sumativa, não são compatíveis. A vertente sumativa para efeito de progressão na carreira condiciona toda a vertente formativa que deveria promover a melhoria de desempenho através do processo supervisivo. O modelo de Avaliação Docente apresenta algumas limitações que condicionam o processo de avaliação de professores, como as quotas, a falta de formação dos relatores e a ausência de feedback no processo supervisivo.
ABSTRACT The changes made in recent years in the appraisal process of teachers are at the origin of this study, that has as main goals: i) Knowing the opinion of teachers (evaluated and evaluators) on the model for the assessment of performance; ii) Knowing the effects assigned by teachers (evaluated and evaluators) to the evaluation of performance in relation to professional development and organizational development; iii) Knowing the relationship established by teachers between supervision and evaluation of teaching performance; The study is part of the interpretative paradigm, it employs a methodology predominantly qualitative and has descriptive and exploratory features. The data were collected in a group of schools in the village of Sintra, considered educational territory of priority intervention (ETPI). The participants were teachers of the 1ST degree, selected in a way to form three subgroups: four assessor teachers, one of them being the coordinator of the 1ST degree, four teachers evaluated of the school board and four hired evaluated teachers. Thus, twelve semi-structured interviews were conducted, from scripts with the same themes and similar issues, prepared from the same goals. From the results obtained, we can stress that the interviewed teachers consider that the two strands of the model for the assessment of performance: formative and summative, are not compatible. The summative strand for the purpose of career development influences the whole formative aspect that should promote the improvement of performance through the process supervisory framework. The model of teachers evaluation presents some limitations that influence the teachers’ evaluation process, such as quotas, the lack of training of the rapporteurs and the absence of feedback the in supervisory framework.
Descrição: Dissertação apresentada à Escola Superior de Educação de Lisboa para obtenção de grau de mestre em Ciências da Educação - Especialização Supervisão em Educação
URI: http://hdl.handle.net/10400.21/3131
Aparece nas colecções:ESELx - Dissertações de Mestrado

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
Avaliação de Desempenho.pdf2,27 MBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.