Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.21/2687
Título: Caracterização da prática do fisioterapeuta na sua intervenção em crianças até um ano de idade com torcicolo muscular congénito
Autor: Brandão, Ana Cristina Teixeira
Orientador: Sérgio, Joaquim Silveira
Palavras-chave: Fisioterapia
Medicina de reabilitação
Torcicolo muscular congénito
Recém-nascido
Physiotherapy
Rehabilitation
Congenital muscular torticollis
Newborn
Data de Defesa: 2012
Citação: Brandão AC. Caracterização da prática do fisioterapeuta na sua intervenção em crianças até um ano de idade com torcicolo muscular congénito [Dissertação]. Lisboa: Escola Superior de Tecnologia da Saúde de Lisboa/Instituto Politécnico de Lisboa; 2012.
Resumo: A Fisioterapia é a intervenção terapêutica mais referida no tratamento conservador do torcicolo muscular congénito, devendo a actuação do Fisioterapeuta reger-se pela implementação de elevados padrões de prática. Existem várias referências na literatura de como deve ser realizada a avaliação, quais os instrumentos mais adequados para a sua realização e estratégias terapêuticas a utilizar na abordagem da fisioterapia no tratamento de crianças com torcicolo muscular congénito. Com a realização do presente estudo pretende-se caracterizar a prática clínica dos Fisioterapeutas, que desenvolvem a sua actividade profissional em Instituições Hospitalares de Portugal Continental, na sua intervenção junto da criança com torcicolo muscular congénito no primeiro ano de vida. Trata-se de um estudo transversal, descritivo onde se procura identificar alguns aspectos da prática do Fisioterapeuta ao nível da recolha de dados e ciclo de intervenção. Foi construído um questionário com base na revisão da literatura pesquisada e distribuído a 147 Fisioterapeutas que actualmente desenvolvem a sua actividade profissional em crianças com idade inferior a um ano, com torcicolo muscular congénito, há pelo menos 2 anos, dos quais obtivemos 69 respostas. A análise estatística foi conduzida por estatísticas descritivas. Os resultados obtidos parecem evidenciar que, duma maneira geral, a prática dos Fisioterapeutas parece aproximar-se da prática fundamentada pela literatura, existindo apenas incongruências ao nível dos instrumentos de recolha de dados, do pedido de consentimento informado e dos registos. Os fisioterapeutas estão despertos para o ensino aos pais/cuidadores tendo consciência que é fundamental a continuidade da intervenção no domicílio.
ABSTRACT - Physiotherapy is the most referred approach for the conservative treatment of congenital muscular torticollis and the underlying physiotherapists’ intervention should be ruled by high quality standards. There are several literature references for the treatment of congenital muscular torticollis discussing the most appropriate assessments, patient-reported outcome instruments and therapeutic-based strategies. The present study intends to characterize the clinical practice of the mainland Portuguese hospital-based physiotherapists on first-year children born with congenital muscular torticollis. This is a transversal descriptive study directed to recognize the aspects of the physiotherapists’ practice on data collection and cycle intervention. Based on the reviewed literature, a questionnaire was built and given to 147 physiotherapists which presently work with muscular congenital torticollis in children with less than a year. To meet this criteria the health professional should meet an experience of two years in the area. Sixty nine answers were reported. Descriptive statistics were conducted for statistical analysis. The results point out that the physiotherapists’ clinical practice seems to approach the practice established by the literature fonts while there are some identified incongruities on the data collection, informed consent and clinical recording levels. Physiotherapists are aware for both the importance of parents/caregivers teaching and home-based interventions.
Descrição: Mestrado em Fisioterapia.
Peer review: yes
URI: http://hdl.handle.net/10400.21/2687
Aparece nas colecções:ESTeSL - Dissertações de Mestrado

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
Caracterização da prática do fisioterapeuta na sua intervenção em crianças até um ano de idade.pdf967,65 kBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.