Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.21/2627
Título: Relações morfológicas entre a aorta torácica avaliada por ecocardiografia e a aorta abdominal estudada por ultrassonografia
Autor: Silva, José Maria Folgado da
Orientador: Pedro, Luís Mendes
Pereira, Eduardo
Palavras-chave: Cardiologia
Ultrassonografia
Aorta
Aneurisma
Cardiology
Ultrasonography
Aneurysm
Data de Defesa: 2012
Citação: Silva JM. Relações morfológicas entre a aorta torácica avaliada por ecocardiografia e a aorta abdominal estudada por ultrassonografia [Dissertation]. Lisboa: Escola Superior de Tecnologia da Saúde de Lisboa/Instituto Politécnico de Lisboa; 2012.
Resumo: A identificação do aneurisma da aorta abdominal (AAA) e o seu tratamento eletivo, antes da rotura, é importante na redução da mortalidade e está na base dos programas de rastreio. Por outro lado, muitos doentes submetidos a Ecocardiografia Trans-Torácica (ETT) encontram-se em grupo etário e apresentam os mesmos fatores de risco que os observados nos portadores de AAA. O objetivo do estudo foi analisar a associação entre a dilatação da aorta ascendente e o diâmetro das restantes partes da aorta no sentido de identificar fatores que pudessem ser usados para identificar um subgrupo de doentes em que pudesse estar indicada por rotina a avaliação da aorta abdominal durante a realização daquele exame. O estudo, mostrou que os doentes que apresentam dilatação da aorta ascendente têm maior risco de apresentarem dilatação da aorta abdominal. Esta observação é concordante com a literatura e reforça o conceito de que todos os pacientes com mais de 60 anos de idade submetidos a ecocardiografia onde é detetada a presença de dilatação da aorta ascendente, deverão fazer estudo ultrassonográfico da aorta abdominal que tem baixo custo, rapidez de execução e elevada fiabilidade.
ABSTRACT - The identification of abdominal aortic aneurysms (AAA) and its elective treatment, before rupture, is important to decrease mortality rates and is the basis of screening programs. On the other hand, many patients undergoing Transthoracic Echocardiography (ETT) share with AAA population characteristics like age and risk factors. The aim of the study was to analyze the association between the diameter of the ascending aorta with the diameter of the remaining parts of the aorta in order to identify factors that could be used to select a sub-group of patients at higher risk of AAA on the basis of ETT information. The study showed that patients who present dilatation of the ascending aorta have increased risk of abdominal aortadilatation. This observation is consistent with the literature and supports the concept that patients with more than 60 years old in which dilation of the ascending aorta on ETT is identified should be also assessed by abdominal ultrasonography in order to screen for AAA.
Descrição: Mestrado em Tecnologia de Diagnóstico e Intervenção Cardiovascular - Área de especialização em Ultrassonografia Cardiovascular.
Peer review: yes
URI: http://hdl.handle.net/10400.21/2627
Aparece nas colecções:ESTeSL - Dissertações de Mestrado

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
Relações morfológicas entre a aorta torácica avaliada por ecocardiografia e a aorta abdominal.pdf5,12 MBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.