Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.21/2299
Título: Perspetivas das educadoras de infância de uma instituição particular de solidariedade social sobre o contributo da colaboração para o seu desenvolvimento profissional
Autor: Batista, Soledade de Jesus Veva
Orientador: Vasconcelos, Teresa
Palavras-chave: Colaboração
Desenvolvimento profissional
Formação
Reflexão
Liderança
Collaboration
Professional development
Formation
Reflection
Leadership
Data de Defesa: Dez-2012
Resumo: O desenvolvimento da colaboração e o que esta poderá enriquecer têm-se tornado conceitos complexos e de crescente interesse. A emergência destes novos cenários educativos levou-nos a tentar compreender de que modo a colaboração tem contribuído para o desenvolvimento profissional de um grupo de cinco educadoras de infância, que exercem funções numa Instituição Particular de Solidariedade Social. A criação de um quadro referencial teórico, com base na informação sobre o desenvolvimento profissional, no contexto da formação e supervisão e nos conhecimentos sobre a colaboração, a reflexão, comunidades de aprendizagem e a influência das lideranças, pareceu-nos fundamental para justificar e orientar a investigação. No estudo optámos por uma metodologia qualitativa, de natureza descritiva e interpretativa, que se assume como particularista, debruçando-se sobre uma determinada situação. Recolhemos informações através de entrevistas individuais semiestruturadas, gravadas em formato áudio. Realizou-se a análise categorial dos dados, conduzindo à interpretação e discussão dos mesmos. Os resultados deste estudo apontam para um reconhecimento por parte das participantes relativamente à importância da colaboração para o seu desenvolvimento profissional. Tornou possível a identificação de fatores facilitadores ou impeditivos do trabalho colaborativo. A formação, quer inicial quer contínua, é também apontada pelas intervenientes como um contributo para o seu desenvolvimento, no entanto, não referem a sua promoção para o trabalho colaborativo. As lideranças são apontadas como ambíguas, podendo promover ou impedir a colaboração. Por fim, o trabalho colaborativo foi também referido como fator determinante no trabalho com e entre as crianças. Associada aos novos desafios, colocados pelas mudanças sociais e culturais da sociedade, assiste-se a uma alteração no entendimento do papel do professor e da escola, em que a responsabilidade da sua construção deve ser coletiva e não individual. A colaboração deve supor a criação conjunta da visão de todos os que participam na comunidade educativa. Esta investigação revelou-se igualmente vantajosa para as participantes que identificaram alguns aspetos a melhorar a nível do trabalho colaborativo.Abstract The development of collaboration and what it may enrich have become complex concepts of growing interest. The emergence of these new educational scenarios has led us to try to understand how the collaboration has contributed to the professional development of a group of five kindergarten teachers who work in a Private Institution of Social Solidarity. The creation of a theoretical frame reference, based on information on professional development, in the context of formation and supervision and knowledge about collaboration, reflection, learning communities and the influence of leaderships, it seemed essential to justify and guide this research. In the study we chose a qualitative methodology, descriptive and interpretative, which is assumed as particularistic, leaning over a determined situation. We collected information through semi-structured interviews, recorded in audio format. We carried out the categorical data analysis, leading to the interpretation and discussion of the thereof. The results of this study indicate recognition by the participants on the importance of collaboration in their professional development. It made possible the identification of factors that facilitate or impede collaborative work. The formation, initial and continuous, is also appointed by the interveners as a contribution to their development, however, they do not refer its promotion on the collaborative work. The leaderships are seen as ambiguous, either promoting or impeding collaboration. Finally, the collaborative work was also mentioned as a determining factor in working with and among children. Associated with the new challenges, posed by the social and cultural changes in society, we are witnessing a change in the understanding of the role of the teacher and the school, where the responsibility of its construction must be collective and not individual. The collaboration should assume the joint vision of all those involved in the educational community. This research has proven equally beneficial for the participants who identified some aspects to improve the level of collaborative work.
Descrição: Dissertação apresentada à Escola Superior de Educação de Lisboa para obtenção de grau de mestre em Ciências da Educação, especialidade em Supervisão em Educação
URI: http://hdl.handle.net/10400.21/2299
Aparece nas colecções:ESELx - Dissertações de Mestrado

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
Perspetivas das educadoras de infância de uma instituição particular.pdf1,44 MBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.