Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.21/1951
Título: Consumo de substâncias psicoactivas na população estudantil da Escola Superior de Tecnologia da Saúde de Lisboa
Autor: Grilo, S.
Reis, P.
Caetano, Liliana Aranha
Raposo, Hélder
Graça, Anabela
Palavras-chave: Toxicodependência
Consumo de droga
Substância psicoactiva
Ensino superior
Meio escolar
Data: Out-2011
Editora: Escola Superior de Tecnologia da Saúde de Lisboa
Citação: Grilo S, Reis P, Caetano LA, Raposo H, Graça A. Consumo de substâncias psicoactivas na população estudantil da Escola Superior de Tecnologia da Saúde de Lisboa. In VI Encontro Nacional das Ciências e Tecnologias da Saúde, ESTeSL, 20-22 de Outubro de 2011. Poster.
Resumo: O consumo de substâncias psicoactivas por estudantes do ensino superior tem sido objecto de estudo nos últimos anos em Portugal. Ao actuarem no Sistema Nervoso Central, produzindo alterações comportamentais, cognitivas, de consciência e de humor, as substâncias psicoactivas podem comprometer a capacidade de aprendizagem e futuro desempenho profissional. As prevalências de consumo em estudantes das áreas específicas da saúde (Medicina, Enfermagem, Farmácia) têm sido amplamente estudadas e caracterizadas. Considera-se que estes constituem um grupo vulnerável ao consumo de substâncias psicoactivas devido, em parte, ao esforço intelectual intenso, stress, ansiedade, insónias e depressão a que estão frequentemente sujeitos. Desconhecem-se dados específicos sobre o consumo de substâncias psicoactivas nos estudantes das Tecnologias de Saúde.
Peer review: yes
URI: http://hdl.handle.net/10400.21/1951
Aparece nas colecções:ESTeSL - Posters

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
Consumo de substâncias psicoactivas na população estudantil da ESTeSL.pdf259,06 kBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.