Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.21/1713
Título: A construção de sentidos em política educativa: o caso da Escola a Tempo Inteiro
Autor: Pires, Carlos
Palavras-chave: Escola a tempo inteiro
Escola pública
Políticas Públicas de educação
Ensino básico
Referencial
Instrumentos de acção pública
Data: Out-2007
Citação: Pires, Carlos (2007). A Construção de Sentidos em Política Educativa. O caso da Escola a Tempo Inteiro. Sísifo. Revista de Ciências da Educação, 4, pp. 77-86. Consultado em [mês, ano] em http://sisifo.fpce.ul.pt
Resumo: Com o presente texto pretendemos apresentar sucintamente as principais linhas de força dum projecto de investigação sobre as medidas políticas que configuram a ideia de Escola a Tempo Inteiro no âmbito do 1.º Ciclo do Ensino Básico optando por uma abordagem pela “análise das políticas públicas” centrado na formulação e implementação dessas medidas. Desta forma, procuramos assentar o estudo em dois “modos de abordagem” que se interligam: um centrado na análise do processo de decisão política, a partir do qual procuraremos compreender como nasceu e se transformou/transforma a política; outro na sua implementação focalizado no estudo da acção do Estado e no posicionamento dos seus actores em interacção com outros actores sociais. Como “ferramentas” teóricas optamos pela análise cognitiva das políticas públicas recorrendo, em particular, ao conceito de referencial e pela abordagem pelos instrumentos de acção pública.
URI: http://hdl.handle.net/10400.21/1713
ISSN: 1646-4990
Versão do Editor: https://docs.google.com/viewer?url=http%3A%2F%2Fsisifo.fpce.ul.pt%2Fpdfs%2F04-08-CPir.pdf
Aparece nas colecções:ESELx - Artigos

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
A construção de sentidos em política educativa.pdf105,34 kBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.