Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.21/1601
Título: Avaliação da função ventricular esquerda e dimensão da aurícula esquerda por Vscan® e relatório de estágio
Autor: Safara, Ana Cristina C.
Orientador: Ferreira, Daniel Tomás Canário
Palavras-chave: Cardiologia
Hand-held
Função sistólica
Ecocardiografia
Cardiology
Systolic function
Echocardiography
Data de Defesa: 2011
Citação: Safara AC. Avaliação da função ventricular esquerda e dimensão da aurícula esquerda por Vscan® e relatório de estágio [Dissertation]. Lisboa: Escola Superior de Tecnologia da Saúde de Lisboa/Instituto Politécnico de Lisboa e Faculdade de Medicina da Universidade de Lisboa; 2011.
Resumo: Introdução: Os hand-held são equipamentos de baixo peso, tamanho e custo, que permitem realizar, em poucos minutos, uma avaliação cardíaca global, mas que devido às suas limitadas funcionalidades são ainda alvo de controvérsia, especialmente no que respeita ao nível de experiência exigido aos seus operadores. Objectivos: Verificar se a acuidade diagnóstica do hand-held (Vscan®), comparativamente à do equipamento high-end (Vivid 7 Dimension®), para a avaliação da função sistólica ventricular esquerda global, presença/ausência de alterações segmentares do ventrículo esquerdo (VE) e dimensão da aurícula esquerda (AE), está dependente da experiência do observador. Métodos: Por amostragem não probabilística acidental foram realizados em 127 indivíduos, ecocardiogramas por high-end, por diferentes operadores, com registo da fracção de ejecção do VE, volume da AE e da presença/ ausência de alterações segmentares do VE. Nos mesmos indivíduos um operador pouco experiente recolheu imagens pelo hand-held, posteriormente analisadas por quatro observadores com diferentes níveis de experiência, para a avaliação semi-quantitativa dos três parâmetros referidos. Resultados: Amostra constituída por 53% de indivíduos do género masculino, com média de idades de 61±16 anos, SC média de 1,82±0,20m2 e IMC médio de 26,2±3,4Kg/m2. A acuidade diagnóstica do hand-held varia, para os diferentes parâmetros, entre 71% e 93% nos observadores experientes, e entre 65% e 95% nos observadores pouco experientes. A concordância entre as avaliações dos observadores para os três parâmetros varia entre 0,68 e 0,87 nos experientes e entre 0,61 e 0,81 nos pouco experientes, sendo que a concordância entre os quatro é moderada, variando entre 0,43 e 0,79. Conclusão: Através de imagens recolhidas por um operador pouco experiente, a acuidade diagnóstica do hand-held revela-se dependente da experiência do observador, embora observadores pouco experientes com algum treino possam atingir valores de acuidade similares aos dos observadores experientes. ABSTRACT - Background: The hand-held devices are low weight, small size and relatively cheap and allow, in a few minutes, the performance of a comprehensive cardiac evaluation, but due to its limited features are still controversial, especially regarding the level of experience required for their users. Objectives: Determine if the diagnostic accuracy of hand-held (Vscan®), compared to high-end equipment (Vivid 7 Dimension®) for the assessment of the overall left ventricular systolic function, the presence/ absence of left ventricular (LV) wall-motion abnormalities, and the left atrial size (LA), is dependent on the observer’s experience. Methods: Through a non-probability accidental sampling, high-end echocardiograms were performed on 127 individuals, with registration of LV ejection fraction, AE volume and the presence/absence of LV wall-motion abnormalities. In the same individuals, a less experienced operator collected images with a hand-held equipment, subsequently analyzed by four observers with different experience levels, for semi-quantitative assessment of these three parameters. Results: 53% of sample is male, with the average age of 61±16 years, SC average of 1.82±0.20 m2 and a BMI average of 26.2±3.4 kg/m2. The accuracy of hand-held varies, for the three parameters, between 71% and 93% for experienced observers and between 65% and 95% in less experienced observers. The agreement between the evaluations of observers, for the three parameters, varies between 0.68 and 0.87 in experienced observers and between 0.61 and 0.81 in less experienced observers, and the agreement between four observers is moderate, ranging from 0.43 to 0.79. Conclusion: Trough images captured by a less experienced operator, the diagnostic accuracy of hand-held proves to be dependent on the observer’s experience, although in less experienced observers with some training accuracy it can reach values similar to those of experienced observers.
Descrição: Mestrado em Tecnologia de Diagnóstico e Intervenção Cardiovascular. Área de especialização: Ultrassonografia Cardiovascular.
Peer review: yes
URI: http://hdl.handle.net/10400.21/1601
Aparece nas colecções:ESTeSL - Dissertações de Mestrado



FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.