Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.21/1593
Título: Contributo para a validação de uma estratégia de diagnóstico do risco de LMELT: empresas de triagem de resíduos orgânicos
Autor: Pires, Luís Eduardo
Orientador: Serranheira, Florentino
Palavras-chave: Saúde ocupacional
Ergonomia
Lesão músculoesquelética
Avaliação
Factor de risco
Delphi
Occupational health
Ergonomics
Musculoskeletal disorders
Evaluation
Risk factor
Data de Defesa: Mai-2011
Citação: Pires LE. Contributo para a validação de uma estratégia de diagnóstico do risco de LMELT: empresas de triagem de resíduos orgânicos [Dissertation]. Lisboa: Escola Superior de Tecnologia da Saúde de Lisboa/Instituto Politécnico de Lisboa; 2011.
Resumo: As Lesões Músculo-Esqueléticas Ligadas ao Trabalho (LMELT) tornaram-se um dos maiores problemas da saúde dos trabalhadores na actualidade, tornando-se o seu estudo num desafio, tanto para a ergonomia como para outras ciências. Este desafio levou de certa forma ao aparecimento de diversos métodos de identificação e avaliação dos factores de risco de LMELT, surgindo os primeiros na década 70 e multiplicando-se desde então. Dada a sua diversidade, a escolha sempre suscitou grandes dificuldades. O objectivo principal deste estudo é contribuir para a validação da estratégia de diagnóstico do risco das LMELT e apoiar a definição da estratégia a aplicar para uma melhor e mais eficaz avaliação do risco das LMELT no tratamento de resíduos orgânicos. Para que esta condição se verifique foram identificados e caracterizados alguns métodos de avaliação do risco de LMELT associados à actividade de triagem de resíduos orgânicos. Predominam essencialmente os movimentos repetitivos dos membros superiores, carga postural e/ou aplicação de força, quer a nível dos membros superiores, quer da coluna vertebral. Como forma de validar a estratégia definida neste estudo, propõe-se um delineamento metodológico que passa principalmente por um “Painel de Delphi”, que, através da recolha de dados em diversas etapas, de opiniões de um painel de especialistas na área das LMELT, se pronunciará no sentido de encontrar um consenso sobre o método mais indicado para avaliação do risco dessas patologias, dentro do contexto. Espera-se contribuir para uma mais adequada avaliação do risco na triagem de resíduos orgânicos que permita fazer uma prevenção das LMELT mais eficaz. ABSTRACT - Nowadays, Work-Related Musculoskeletal Disorders (WRMSD) have become one of the major health worker's problem. Their study becomes a huge challenge for ergonomic research and other sciences. To an extent, this challenge led to the establishment a variety of factor's risk, WRMSD risk identification and evaluation methods, since the 1970ies. Their diversity has always been the cause for great difficulty of choice. The main idea of this study contributes to the evaluation of WRMSD'risk diagnosis strategy in order to support the choice for the right strategy towards the best prediction of potential WRMSD problems during organic waste disposal. A few methods have been identified to evaluate organic waste disposal related WRMSD risk, e.g. repetitive movements of the upper limbs, postural mechanical overcharge and/or stress either on upper limbs or on the spinal chord. Looking for validate the chosen's study strategy, a specific procedure is suggested based mainly on a “Delphi Panel”, meant to support the option for the most accurate risk evaluation method, within the above context, through the phased inquiry of a number of WRMSD specialists. The objective is to contribute to a better risk evaluation during organic waste disposal, leading to a more efficient WRMSD prevention.
Descrição: Mestrado em Segurança e Higiene no Trabalho.
Peer review: yes
URI: http://hdl.handle.net/10400.21/1593
Aparece nas colecções:ESTeSL - Dissertações de Mestrado



FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.